Arquivo

Archive for Julho, 2010

WIKILEAKS – o direito à informação

Julho 27, 2010 2 comentários

O Wikileaks é um site constituido por um grupo muito pequeno de pessoas (5 pessoas) que se dedicam a publicar uma série de relatórios e documentos várias considerados secretos ou de não acesso ao público geral.
Eles protegem sempre as suas fontes e não publicam nada sem antes verificarem a sua autenticidade.
Foram eles que, por exemplo, revelaram aquele video do helicópetro americano que abateu os jornalistas, dizendo que “pareciam” terroristas…
A última bomba foi notícia ontem nos diversos meios de comunicação, por terem revelado milhares de relatórios secretos das forças armadas Norte Americanas sobre a guerra do Afeganistão.

http://www.wikileaks.com/wiki/Afghan_War_Diary,_2004-2010

Além deste tema há vários posts sobre Bilberberg, a BP, assuntos relacionados com a Realeza, etc, até mesmo sobre Portugal.
Vale a pena conhecer e consultar.

As causas do Sofrimento Humano

Julho 26, 2010 5 comentários

As Quatro Nobres Verdades

Não se pode negar que a vida (existência) esteja indissoluvelmente ligada ao sofrimento do corpo e da mente. Este sofrimento, como toda insatisfação, é causado pelo facto de os indivíduos estarem submissos aos seus desejos, à sua avidez de possuir e, sobretudo, ao seu egocentrismo.

O egocentrismo, a avidez e a cobiça, no entanto, podem ser compreendidos, sobrepujados e destruídos. Esta libertação pode ser alcançada seguindo um caminho racional de comportamento no plano do pensamento, da palavra e da acção. Ler mais…

Mind Control? Scientists Have Discovered How To Use Nanoparticles To Remotely Control Behavior!

Julho 17, 2010 6 comentários

© unknown

Are we moving into a time when the extraordinary advances that have been made in the fields of nanotechnology, neurology, psychology, computer science, telecommunications and artificial intelligence will be used by governmental authorities to control the population? Already, governments around the world are using the threat of “terror” as an excuse to watch us, track us, scan all of our electronic communications and force us to endure “security measures” that are so extreme that even George Orwell could have never dreamed them up. Ler mais…

Underground tunnel complexes found on moon

Julho 17, 2010 Deixe um comentário

Lewis Page
The Register
Fri, 16 Jul 2010 13:12 EDT

© NASA/GSFC/Arizona State University
Collapsed pit-crater shaft leading down to a sub-selenean tunnel?

Boffins offer ‘lava’ thesis, poohpooh alien/Elvis theories

Space boffins believe they may be on the verge of discovering a vast, hidden network of tunnels beneath the surface of the Moon.

The tunnels aren’t thought to be the work of long-extinct (or perhaps still surviving) intelligent moon aliens, perhaps driven to adopt a subterranean existence by a notional disappearing atmosphere aeons ago. Nor is any involvement by Tibetans, Elvis or others seeking a secluded dwelling far from prying human eyes suspected. Ler mais…

Categorias:Astronomia, Ufologia

Actimel da Danone

Tenho pena e lamento que existam certos temas tabus por motivos meramente económicos.

As Multinacionais do sector Alimentar aproveitam-se do poder que os media têm sobre as pessoas para publicitar a compra e consumo de determinados produtos, incentivando a ingestão de substâncias que não são tão benéficas ao nosso metabolismo como vem na Televisão. Realmente mesmo estando em pleno séc. XXI, século da globalização da informação, do fácil acesso à informação e da informação imediata 24h por dia, em que todos os produtos, bens e serviços são controlados, fiscalizados, regulados e rotulados com mini-relatórios exclusivamente informativos desde a concepção à comercialização. Como ia a dizer, mesmo num século em que o Mundo tem estas característica é inconcebível que ainda hajam consumidores que desconheçam as complicações que podem arranjar caso ingiram certo tipo de substâncias de produtos fortemente publicitados na Televisão.

Convém estarmos atentos, informados e avisados de que há interesses económicos que põem e dispõem das nossas vidas a seu belo prazer e não param de nos surpreender com as suas artimanhas! O Actimel, a marca de produtos lácteos probióticos da Danone, é um deles.

O ACTIMEL fornece ao nosso organismo uma bactéria chamada Lactobacillus Casei Imunitass. Esta bactéria é gerada normalmente por 98% dos organismos, mas quando é administrada externamente por um período prolongado, o nosso corpo deixa de a fabricar e ‘esquece- se’ que deve fazê-lo e como fazê-lo, ficando a saúde do nosso sistema imunitário dependente da administração desta bactéria por via oral ou linfática. Este risco ainda é maior caso os consumidores deste produto sejam menores de 14 anos.

Na realidade, este produto alimentar outrora foi um medicamento cuja produção nunca esteve próximo de se tornar rentável, por existir um universo muito reduzido de pessoas com deficiente produção desta bactéria e por isso poucos são aqueles que nascem com esta anomalia. Como os custos de produção não eram cobertos pelas vendas, a Companhia Farmacêutica detentora da patente deste medicamento vendeu-a a uma conhecida Empresa do sector alimentar. O problema desta transacção do medicamento para alimento “massificado” é que transformou uma anomalia exclusivamente inata a inata e adquirida.

Como o número de casos de sistemas imunitários debilitados têm aumentado consideravelmente nos últimos dez anos, a Secretária Estado da Saúde Espanhola obrigou a ACTIMEL a indicar na sua publicidade que o produto não deveria nem podia ser consumido por um período de tempo prolongado. E cumpriram, no entanto de uma forma tão subtil que nenhum consumidor o percebe ( p.ex. ‘desafio actimel: tome durante 14 dias’).

Se uma mãe decidir completar a sua dieta com ACTIMEL, não recebe nenhum aviso sobre a sua inconveniência e não vê que pode estar a causar um dano importante ao futuro dos seus filhos e ao seu devido às manipulações publicitarias da Multinacional DANONE, cuja sua única preocupação é o incremento dos seus benefícios e lucros sem se importar com a saúde dos seus consumidores.

O que vem sustentar ainda mais a teoria que toda a excessiva e exagerada informação apregoada em publicidade pretende provocar precisamente efeitos contrários aos apregoados nos anúncios.

O SANTO GRAAL

Julho 8, 2010 3 comentários

O Santo Graal é um dos mais antigos e enigmáticos mitos da humanidade. Sob uma análise superficial, é o cálice usado por Jesus Cristo no episódio da Última Ceia e que contém seu sangue, que havia sido recolhido no momento da crucificação.

O termo Graal, no francês arcaico, significa bandeja. Por outro lado, pode ter origem latina, no vocábulo Gradalis, que significa cálice. Já o termo Sangraal seria uma variação etimológica de Sangue Real.

Ler mais…

Tudo é cíclico, em Política não é diferente…

Categorias:Geral